Netanyahu convoca judeus franceses a migrarem para Israel

0
214

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, esteve em Paris participando da marcha contra os atentados que aconteceram na capital francesa na semana passada.

Os quatro judeus que foram mortos na mercearia kosher serão enterrados em Jerusalém e o premier aproveitou o momento de tensão para convidar os judeus franceses para migrarem para Israel.

jerusalem-atentadoafp
O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, esteve em Paris participando da marcha contra os atentados que aconteceram na capital francesa

“Todo judeu que estiver querendo fazer a aliá será recebido com braços e corações abertos”, disse Netanyahu durante seu discurso ao lado do presidente francês, François Hollande.

A França é o país com a maior comunidade judaica da Europa tendo 550 mil judeus, em 2014 7.000 emigraram para Israel, mais que o dobro de 2013 quando 3.300 judeus deixaram a França. Em 2012 foram apenas 1.900.

O governo francês entende que os judeus estão em perigo, tanto que as sinagogas tiveram a proteção reforçada, assim como escolas e outros locais judaicos do país. No sábado (10) a Grande Sinagoga de Paris foi fechada, essa foi a primeira vez que os judeus não puderam realizar o shabat no espaço desde a Segunda Guerra. Com informações O Globo.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorJonas Maciel – Feliz Ano Novo (Novo CD em Breve)
Próximo artigoJonas Maciel – Sou Adorador (Feliz de Novo) [Áudio Oficial]
Ponto das Igrejas
O Ponto das Igrejas é um canal interativo onde o povo de Deus toma conhecimento sobre os fatos que ocorrem no Brasil e no mundo. Desta maneira, ajudamos aos irmãos que não podem ficar muito tempo na internet , ao acessar o Ponto, sair do campo da ignorância e perceber que Jesus está voltando. O Ponto, atualmente, apresenta alguns colunistas que estão sendo usados por Deus para dar ânimo aqueles soldados feridos nas batalhas da vida. Somos criados para glória Dele e usamos as palavras para testemunharem os feitos do Senhor em nossa vida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui