Spam, do conhecimento à prevenção

0
327

thumb_AvoidingEmailMarketingBoobieTrapsStopSpamPoucos veículos de comunicação cresceram tanto em tão pouco tempo quanto a internet, uma rede de computadores criada com objetivos militares, e foi se transformando à medida que o meio acadêmico e as empresas foram se juntando ao projeto, mas foi no início dos anos 90 que realmente se popularizou, e se firmou da forma que conhecemos hoje, após a criação dos navegadores e seu formato mais acessível de interação.

Apenas para ilustrar, para chegar a 50 milhões de ouvintes o rádio levou 38 anos, para a mesma quantidade de telespectadores a televisão levou 13 anos, e a internet levou apenas 4 anos desde o início de sua popularização. Hoje a internet é a mídia de maior crescimento publicitário do mundo, superando revistas, jornais, televisão, rádio entre outras.

Com este potencial de crescimento, a comunicação através de e-mails (correio eletrônico) aumentou na mesma proporção, e junto com eles vieram os spams, e-mails não desejados com o objetivo de alcançar um grande número de pessoas, seja qual for a motivação, política, econômica ou social. E a preocupação é real, em pesquisa recente uma empresa de segurança reconhecida, relatou que o volume total de spam no mundo representa 73% dos e-mails trocados e isso causa grandes impactos, reduz a produtividade, gasto de tempo, afeta a velocidade, uma vez que utiliza mais banda da internet; aumenta os gastos com ferramentas de prevenção, o risco de não ler e-mails importantes perdidos no meio de tanto spam é grande e prejuízos financeiros, pois muitos spams trazem códigos maliciosos em seu conteúdo.

A resposta mais eficaz contra o Spam é a prevenção, evitando ou minimizando a grande quantidade de spams recebidos. Em algumas empresas e provedores, boa parte do trabalho costuma ser feito por ferramentas de filtro de spam, instalado no próprio servidor de e-mail, mas você, com dicas simples, também podem contribuir com esta prevenção:

– evite cadastrar seu e-mail pessoal ou corporativo, em qualquer site: a alternativa é criar um e-mail, Gmail, Yahoo ou Bol, por exemplo, para esta finalidade.

– não clique em links ou imagens em spam ou em e-mails de desconhecidos, ao identificar este tipo de mensagem, apague-a.

– não responda o spam, nem que a mensagem solicite uma resposta para que deixe de recebê-la, muitos agem de forma contrária.

– utilize ferramentas de proteção como antivírus, AntiSpam e firewall pessoal; e que estejam sempre atualizados.

– os próprios programas de e-mail possuem mecanismos para criar filtros de e-mails indesejados, podem enviá-los para pastas específicas ou até mesmo apagá-los automaticamente, vale uma pesquisa em seu programa de e-mail.

– evite repassar as famosas correntes por e-mail, pois você pode estar ajudando a propagar o spam.

Utilizando estas dicas, você não estará completamente livre de e-mails indesejados, mas dificultará bastante a ação dos spammers, como são conhecidos os criadores de spam, evitando que descubram seu e-mail.

Abaixo é apresentando o TOP 10 do ranking dos países criadores de spam:

Top 10 Ranking Spam

1º USA – 26,7%

2º China – 25,5%

3º Índia – 9,8%

4º Vietnam – 4,1%

5º Brazil – 2,9%

6º Korea – 1,9%

7º Alemanha – 1,8%

8º Rússia – 1,4%

9º Grã Bretanha – 1,2%

10º Indonésia – 1,2%

Fonte: Kaspersky Lab (3º Trimestre 2012)

—————————————————————————————————————-

image002Enviado por Marcus Alves

contato@marcusalves.com

Trabalha na empresa Montreal Informática

Colunista do Ponto das Igrejas

 

Divulguém o Ponto das Igrejas – www.pontodasigrejas.com.br – por uma mídia mais cristã.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAndréa King: Palavras de Direção
Próximo artigoAndréa King:Caminhos retos
Ponto das Igrejas
O Ponto das Igrejas é um canal interativo onde o povo de Deus toma conhecimento sobre os fatos que ocorrem no Brasil e no mundo. Desta maneira, ajudamos aos irmãos que não podem ficar muito tempo na internet , ao acessar o Ponto, sair do campo da ignorância e perceber que Jesus está voltando. O Ponto, atualmente, apresenta alguns colunistas que estão sendo usados por Deus para dar ânimo aqueles soldados feridos nas batalhas da vida. Somos criados para glória Dele e usamos as palavras para testemunharem os feitos do Senhor em nossa vida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui